História

A partir de 1995 começou a ser gestada uma proposta que foi concretizada em 1999 com a criação da Associação Latino-Americana de Psicoterapias Cognitivas.
 
Em 1996, a Associação Argentina de Terapia Cognitiva convocou colegas do Brasil, do Chile e do Uruguai para o primeiro Simposio Regional em Buenos Aires.
 
No inicio deste evento um grupo de profissionais se propôs a congregar os psicoterapeutas cognitivos da América Latina e propiciar espaços para a difusão, o desenvolvimento e o intercâmbio teórico e clínico.
 
Em 1999, no Rio de Janeiro, Brasil, a fundação da ALAPCO foi formalizada, contando com representantes da Argentina, Brasil, Chile e Uruguai.
 
O Simposio organizado em Buenos Aires, Argentina, em 1996, o Congresso de Gramado, Brasil, em 1998, o de Montevideo, Uruguay em 2000, e o de Santiago do Chile em 2002, dão conta do nosso trabalho, até e estamos nos preparando para o próximo em Porto Alegre, Brasil em 2004.
 
Esta Associaçao é reconhecida pela IACP (International Association of Cognitive Therapy) como um legítimo grupo latino-americano na área de terapias cognitivas.